Segunda-Feira, 03 de Agosto de 2020

CONTACTOS

STEC
INFORMAÇÃO STEC
A RECAPITALIZAÇÃO E OS INQUÉRITOS À CGD
2020-07-05
JORNAL DE NEGÓCIOS
Rafaela Burd Relvas
05 de Julho de 2020 às 22:20
 
 
A polémica estalou logo com a nomeação de António Domingues para presidente da CGD, quando foi conhecido que o seu salário e o da restante administração ultrapassava os tetos definidos no Estatuto do Gestor Público e que o gestor não seria obrigado a entregar a declaração de rendimentos ao Tribunal Constitucional.

A recapitalização da CGD foi um dos episódios mais longos da passagem de Centeno pelo Governo. A história começa em 2016, quando o Executivo assume a intenção de recapitalizar o banco, depois de considerar que a administração não tinha sido capaz de se adaptar ao mercado. Nessa altura, mudou a administração da Caixa e negociou com Bruxelas um plano de recapitalização, que totalizava cerca de 5 mil milhões de euros, dos quais 2,5 mil milhões foram injetados pelo Estado.

A polémica estalou logo com a nomeação de António Domingues para presidente da CGD, quando foi conhecido que o seu salário e o da restante administração ultrapassava os tetos definidos no Estatuto do Gestor Público e que o gestor não seria obrigado a entregar a declaração de rendimentos ao Tribunal Constitucional.

“Não foi um lapso”, disse então o Ministério das Finanças, sobre um caso que quase levou à saída de Centeno do Governo e acabou a ser levado a uma comissão parlamentar de inquérito, uma das três em que a Caixa esteve envolvida ao longo da última legislatura.

Na altura, as Finanças justificavam que a Caixa deveria ser tratada como qualquer outro banco e o Governo chegou mesmo a aprovar alterações ao Estatuto do Gestor Público que permitiram isentar os novos gestores da CGD das regras impostas neste estatuto.

A recapitalização negociada com Bruxelas, com quem o Governo acordou a saída de 2.200 trabalhadores e o encerramento de 181 balcões, foi ainda objeto de duas comissões parlamentares de inquérito, incidindo nos créditos dados pelo banco que estariam na origem das necessidades financeiras.
 
 
TopoIr para lista

07_05_jnegocios