Quarta-Feira, 21 de Novembro de 2018

CONTACTOS

STEC
NOTÍCIAS DE IMPRENSA
A GREVE DOS MINEIROS DAS ASTÚRIAS JÁ NÃO É SÓ DELES
2012-06-18
PÚBLICO

18.06.2012 - 14:14
Por PÚBLICO
 

A adesão à greve dos mineiros foi de 75% a 100% em várias zonas das Astúrias, segundo os sindicatos (Eloy Alonso/Reuters)
 

A greve dos mineiros das Astúrias, que entra na terceira semana, transformou-se numa greve geral de solidariedade com os trabalhadores das minas da região, que têm contestado os cortes das ajudas ao sector.


Segundo fontes sindicais, a adesão à greve foi de 75% a 100% em várias zonas das Astúrias. Números que o executivo regional não contestou. Muitos estabelecimentos comerciais também fecharam portas.
 

Várias estradas e duas linhas ferroviárias foram cortadas com árvores e pneus e houve contentores incendiados junto às minas. As escolas e os hospitais estão a funcionar com serviços mínimos.
 

Para lá das greves, dos protestos e de violentos confrontos entre mineiros e polícias, há trabalhadores que se recusam a sair das minas. Dezenas de pessoas ficaram feridas e algumas foram detidas na sequência destes confrontos.
 

O protesto dos mineiros faz-se também debaixo da terra. Sete mineiros estão há 25 dias no interior da mina de Santa Cruz del Sil, em protesto.
 

O ministro da Indústria espanhol, José Manuel Soria, recordou na quinta-feira, que o plano de fecho das minas de carvão foi enviado pelo anterior Executivo para Bruxelas já no ano passado. E “há que respeitar os planos europeus”, frisou.
 

Com todos os cortes no orçamento do Estado, prosseguiu Soria, o sector energético ainda é aquele que recebe mais ajudas do Estado. O plano prevê o fecho, até 2019, de todas as unidades de produção de carvão a funcionar com apoios estatais.

 

TopoIr para lista

greve_mineiros_asturias.jpg