Quarta-Feira, 21 de Novembro de 2018

CONTACTOS

STEC
NOTÍCIAS DE IMPRENSA
CGD: GREVE A 2 DE NOVEMBRO CONTRA PRIVATIZAÇÃO
2012-10-02
AGÊNCIA FINANCEIRA

Por Redacção
Vanessa Cruz 
2012-10-02 16:18

Os trabalhadores da Caixa Geral de Depósitos agendaram uma greve para o próximo dia 2 de novembro, em protesto contra a privatização total ou parcial do banco público.
 

A paralisação foi convocada pelo Sindicato dos Trabalhadores das Empresas do Grupo CGD (STEC), confirmou a Agência Financeira.
 

«A CGD é um pilar fundamental do país para o desenvolvimento económico, essencial para a saída da crise», pelo que não deve ser entregue a privados, argumenta o sindicato, em comunicado.
 

Para além de estarem contra a privatização da Caixa, os trabalhadores reivindicam a restituição do subsídio de férias deste ano e o pagamento do subsídio de Natal.
 

«Face à situação criada pela administração da CGD ao não pagar o subsídio de férias e utilizá-lo em proveito do Grupo e face à intenção já tornada pública por parte do Governo de privatização de empresas do Grupo e da própria Caixa Geral de Depósitos, torna-se urgente que os trabalhadores se manifestem de forma inequívoca contra uma decisão tão prejudicial para o País».
 

Quanto ao subsídio de férias, o sindicato faz notar que «apesar da decisão do Tribunal Constitucional, a Administração recusou pagar aquele subsídio, utilizando-o abusivamente em proveito do Grupo».
 

Há ainda outro motivo de greve - «recusar qualquer tipo de redução dos salários em 2013, directa ou indirectamente, face às medidas gravemente lesivas que o Governo já tomou e se prepara para tomar», para encontrar uma alternativa à medida
da TSU, «que tornam insustentáveis as condições de vida dos trabalhadores».

Outra grande empresa anunciou esta terça-feira uma greve, mas entre 18 e 23 de outubro: os trabalhadores da Galp Energia vão voltar a parar, por não terem chegado a acordo com a administração sobre o pagamento de horas extraordinárias.

 

TopoIr para lista